PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Área destinada a comentarmos sobre sugestões vinculadas ao tema \'Ideias & Projetos\' para o Vasco.
Daniel
Júnior
Júnior
Mensagens: 1055
Registrado em: 30 Dez 2015, 21:53

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Daniel » 14 Set 2018, 21:03

INTRODUÇÃO
Terceirizar todo o depto de futebol do clube de modo a conseguir voltar a ter competitividade e saúde financeira, e com isso retomar o crescimento do clube em número de torcedores e estrutura.

QUEM?
Investidores possivelmente estrangeiros interessados em investir e lucrar com o futebol.

COMO?
Investidores se responsabilizam por todo o depto de futebol do clube, inclusive a base. Ficando com 80% de todo o lucro gerado (transferências, patrocínios, naming rights do estádio, cotas de TV, ações de marketing, premiações, licenciamentos, etc, despesas operacionais do Estádio, CT, e funcionários do futebol ficam a cargo dos investidores. Ao clube serão destinados 20% para custeio das despesas operacionais, esportes amadores, outras sedes, etc, todas as receitas do plano de sócios ficam com o clube.

OBRIGAÇÕES
- Ficam os investidores encarregados de montar equipes competitivas, de acordo com as tradições do clube (1898-2001).
- Obrigatoriedade em manter o clube na série A, caso não aconteça, serão geradas multas e até rescisão do contrato.

TEMPO E CONDIÇÕES CONTRATUAIS
Os investidores deverão fazer:
CONTRATO DE 10 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 50% da dívida do clube

CONTRATO DE 20 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 100% da dívida do clube

CONTRATO DE 30 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 100% da dívida do clube
- Modernização de todo o complexo SJ

Ou ocorre algo do tipo, ou podemos achar outro clube, porque vão acabar com o Vasco.
Imagem

Avatar do usuário
Vascaíno Putaço
Promessa
Promessa
Mensagens: 479
Registrado em: 25 Jul 2018, 11:30

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Putaço » 19 Set 2018, 01:21

Concordo com a ideia.
Pouco importa a economia da selva, você nunca verá um leão comendo capim.

Chaves CRVG
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 753
Registrado em: 28 Dez 2017, 00:37
Localização: Barra Mansa

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Chaves CRVG » 09 Fev 2019, 22:48

A ideia é ótima
Acima de tudo,abaixo de nada, FORÇA JOVEM VASCO

Avatar do usuário
VAS_GLÓRIA [CRVG]
Júnior
Júnior
Mensagens: 2418
Registrado em: 08 Ago 2016, 00:55
Localização: Ancapistão

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por VAS_GLÓRIA [CRVG] » 12 Fev 2019, 20:26

Parece bom, mas também qualquer ideia diferente é válida. O negócio tá muito feio.

Avatar do usuário
Nandorj
Promessa
Promessa
Mensagens: 6
Registrado em: 13 Mar 2019, 11:32

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Nandorj » 13 Mar 2019, 16:04

Daniel escreveu:
14 Set 2018, 21:03
INTRODUÇÃO
Terceirizar todo o depto de futebol do clube de modo a conseguir voltar a ter competitividade e saúde financeira, e com isso retomar o crescimento do clube em número de torcedores e estrutura.

QUEM?
Investidores possivelmente estrangeiros interessados em investir e lucrar com o futebol.

COMO?
Investidores se responsabilizam por todo o depto de futebol do clube, inclusive a base. Ficando com 80% de todo o lucro gerado (transferências, patrocínios, naming rights do estádio, cotas de TV, ações de marketing, premiações, licenciamentos, etc, despesas operacionais do Estádio, CT, e funcionários do futebol ficam a cargo dos investidores. Ao clube serão destinados 20% para custeio das despesas operacionais, esportes amadores, outras sedes, etc, todas as receitas do plano de sócios ficam com o clube.

OBRIGAÇÕES
- Ficam os investidores encarregados de montar equipes competitivas, de acordo com as tradições do clube (1898-2001).
- Obrigatoriedade em manter o clube na série A, caso não aconteça, serão geradas multas e até rescisão do contrato.

TEMPO E CONDIÇÕES CONTRATUAIS
Os investidores deverão fazer:
CONTRATO DE 10 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 50% da dívida do clube

CONTRATO DE 20 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 100% da dívida do clube

CONTRATO DE 30 ANOS
- Construção de CT para profissionais e Base
- Quitação de 100% da dívida do clube
- Modernização de todo o complexo SJ

Ou ocorre algo do tipo, ou podemos achar outro clube, porque vão acabar com o Vasco.
Acho boa a ideia pelos seguintes fatos
1 - Profissionalização do futebol
2 - Metas ambiciosas e possíveis
3 - Custo benefício

Agora só acho que essa ideia, ela preferencialmente tem que ser feita por um grupo brasileiro.
Pois o Brasil tem muita burrocracia e nenhuma empresa do exterior vem preparada a ponto de enfrentar um desafio tão grande como esse
Que honra ser
saiba eu sou vascaíno, muito prazer
Jamais terás a Cruz, este é meu batismo
Eu tive que lutar contra o teu racismo
Veja como é grande meu sentimento
E por amor ergui este monumento

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 18 Jul 2019, 14:53

O Vasco tem que seguir modelos profissionais de gestão e EXTINGUIR em definitivo o clube social. Olhem como a Juventus funciona, e verão o motivo do sucesso deles. ÓBVIO que pra algo assim ocorrer no Vasco o estatuto imbecil e amador tem que ser todo modificado.

A Juventus Football Club SpA, uma empresa listada na Bolsa de Valores italiana, adota um sistema tradicional de administração e controle que prevê uma divisão de responsabilidades entre a Assembleia de Acionistas, o Conselho de Administração e o Conselho de Auditores Estatutários.

O sistema de governança corporativa da Juventus, como um conjunto de regras e métodos de planejamento, gerenciamento e controle necessários para a Companhia operar, foi delineado pelo Conselho de Administração em conformidade com a legislação a qual a Companhia está sujeita como Emissora listada, bem como em aceitação. o Código de Conduta e as melhores práticas nacionais e internacionais com as quais a Companhia compara.

Os elementos em que se baseia o sistema de governança corporativa da Companhia são:

o conjunto de valores definidos no Código de Ética;
o papel central do Conselho de Administração;
transparência de gestão;
a cuidadosa distribuição de responsabilidades em relação à gestão, monitoramento e avaliação do sistema de controle interno e gerenciamento de riscos;
o sistema de governança de risco em linha com as melhores práticas;
o sistema de remuneração e incentivos aos gestores, construído com base nas características específicas do setor;
funcionários.
PDF completo: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br ... =000967762
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Eternamente VASCO
Promessa
Promessa
Mensagens: 119
Registrado em: 11 Jul 2019, 12:01

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Eternamente VASCO » 18 Jul 2019, 20:35

Excelente trabalho de pesquisa. Como será possível se tornar realidade este ambicioso projeto?
Por amor incondicional ao VASCO, eu sou SÓCIO TORCEDOR!!!

Avatar do usuário
Mohammed Lisboa
Craque
Craque
Mensagens: 12055
Registrado em: 30 Dez 2015, 17:34
Localização: Jacarepaguá - RJ

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Mohammed Lisboa » 19 Jul 2019, 08:35

Perfeito. Parabéns ao Daniel pelo tópico, seria o futuro ideal para o clube.
Ponha um Rei na masmorra, e ele continua sendo Rei. Ponha um palhaço no castelo, e ele continua sendo um palhaço.


QUE PAÍS SERÁ ESTE??

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 12:04

Eternamente VASCO escreveu:
18 Jul 2019, 20:35
Excelente trabalho de pesquisa. Como será possível se tornar realidade este ambicioso projeto?
O primeiro passo é a MUDANÇA TOTAL do estatuto ultrapassado e que favorece o amadorismo. Após esta mudança e adequação aos preceitos financeiros do século XXI aí sim o club só precisará de um presidente competente e que MOLDE E INSIRA o club neste tipo de gestão já elucidada aqui pelo Daniel e eu também postei mais acima um resumo e um PDF da forma de gerir da Juventus.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Eternamente VASCO
Promessa
Promessa
Mensagens: 119
Registrado em: 11 Jul 2019, 12:01

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Eternamente VASCO » 19 Jul 2019, 12:04

Caros irmãos Vascaínos, saudações.

O que será que pensa o único candidato "confirmado" para as eleições presidenciais do Vasco no ano de 2020, o advogado Luiz Roberto Leven Siano, sobre este importante projeto de reconstrução do nosso amado VASCO?
Por amor incondicional ao VASCO, eu sou SÓCIO TORCEDOR!!!

Avatar do usuário
natanaelfm
Júnior
Júnior
Mensagens: 1609
Registrado em: 27 Fev 2018, 02:13
Localização: Do Rio Potiguar

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por natanaelfm » 19 Jul 2019, 12:07

Vamos entrar na onda do governo e terceirizar tudo?

Sinceramente, entrada de dinheiro privado não tem nada haver com terceirização.

Isso só denota o quanto somos inúteis administrativamente.

Avatar do usuário
natanaelfm
Júnior
Júnior
Mensagens: 1609
Registrado em: 27 Fev 2018, 02:13
Localização: Do Rio Potiguar

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por natanaelfm » 19 Jul 2019, 12:08

Com todo respeito.

Querem aprovar isso?

Vamos primeiro buscar eleições diretas no clube.

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 14:03

natanaelfm escreveu:
19 Jul 2019, 12:07
Vamos entrar na onda do governo e terceirizar tudo?

Sinceramente, entrada de dinheiro privado não tem nada haver com terceirização.

Isso só denota o quanto somos inúteis administrativamente.
Por sua opinião vi que leu e ainda assim não compreendeu. Não se trata de terceirizar APENAS, trata-se da REALIDADE dos rumos que o futebol seguiu. Os clubes que não se adequarem SUMIRÃO e isso não é minha visão, é um FATO, mencionado pelos maiores especialistas da área em todo o mundo. O modelo de gestar os clubes como era feito na época amadora, um período onde o futebol era de fato amador, palavra tão exaltada pelo verme imundo sapo e que infelizmente ainda persiste no Vasco, naquela época sim bastava apenas se ter qualquer presidente semi analfabeto e que anotasse as coisas em sacos de pão e contratasse os jogadores e pronto, isso era a gestão. HOJE EM DIA a situação mudou completamente, o futebol movimenta Bilhões e se tornou um negócio bem diferente do que já foi em épocas AMADORAS.

O modelo de clube social como infelizmente ainda é o Vasco já acabou e os demais clubes que enveredaram pela profissionalização quer seja em formato de S/A ou em modelos gerenciais mais independentes em relação ao antigo clube social, nestes sistemas a administração se torna muito mais exata e profissional em comparação ao antigo modelo que vingou até meados dos anos 80. Já nos anos 90 iniciou-se uma era onde os clubes que fizeram parcerias comerciais de contra parte, se deram muito bem e o modelo só cresceu desde então. Hoje vários clubes de fora já operam como se fosse uma bolsa de valores, a exemplo da JUVENTUS, com resultados excepcionais que se acoplam ao clube em si e não a pessoas ou presidentes que mudam a cada 3 ou 4 anos a depender do estatuto. Esses modelos mais hodiernos elevam o patamar financeiro e esportivo do club pois faz com que os clubes se tornem empresas na acepção do termo.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 14:26

Eternamente VASCO escreveu:
19 Jul 2019, 12:04
Caros irmãos Vascaínos, saudações.

O que será que pensa o único candidato "confirmado" para as eleições presidenciais do Vasco no ano de 2020, o advogado Luiz Roberto Leven Siano, sobre este importante projeto de reconstrução do nosso amado VASCO?
ELE NÃO PENSA. O Vasco não tem ninguém literalmente que possa restaurar o clube por completo, a meu ver, nem o Brant, apesar deste ser uma incógnita é o menos pior dos que provavelmente serão os candidatos em 2020. Há um ditado que diz:" Pela carruagem se sabe quem vem dentro" e o Brant tem uma retórica muito envolvente porém suas ações mesmo na campanha 2014 e 2017 não coadunam em 100% com seu discurso. Por exemplo, alguém de fato profissional não apresentaria um puxadinho e muito menos uma cobertura com banheiros e lanchonetes pra um projeto de um estádio de quase 100 anos, gastando 100 milhões e ainda que fossem 10 milhões, SABE POR QUE? Porque como bem disse o Paulo Nobre do Palmeiras, lá em meados de 2010 quando a Allianz Parque estava ainda em construção, ele disse que um moderno e ampliado estádio dá a qualquer club grande um potencial enorme de fazer RECEITAS, isso ele falou ao responder um repórter que sugeriu que uma cobertura no antigo Parque Antártica seria muito mais barato e ficaria pronto em 1 ano em vez de 4. Nisso o Paulo Nobre respondeu que essa visão era completamente inútil e amadora pois apenas reformas de maquiagem ( termo que ele usou ) não resolveriam nada e deixaria o estádio ainda com estrutura ultrapassada e receitas e nem parceiros se interessariam e sendo assim o valor da MARCA Palmeiras se estacionaria.

É exatamente isso que vi no Brant, em 2014 mostrou uma imagem de um novo SJ toda mal feita e que seria cópia do estádio do Boa Vista de Portugal e em 2017 mudou sua ideia, dizendo que tinha um projeto da Tecnoplan pra cobrir o estádio mesmo no formato de quase 100 anos, fecharia o anel, e faria uns camarotes, etc, elevando o estádio a uma incrível capacidade de 31 mil, PQP isso e uma piada. ISSO É AMADORISMO EM SEU MAIS ALTO GRAU e mesmo os LEIGOS no assunto lá no canal dele no youtube ou na página no Face, instintivamente, reclamaram, xingaram, ficaram contra, acharam feio, etc ou seja reações normais pois de fato ambas as ideias dele são amadoras, e até o sapo amador imundo, mesmo sendo um engodo, apresentou uma maquete lá ainda em 1998 de um novo estádio todo fechado pra 51 mil da LUSO ARENAS. Mesmo sendo uma mentira mas o tal projeto ou maquete era bem mais profissional do que a ideia lixo do Brant.

Esse Leven Siano também tem pensamento amador e já disse ao Mauro César ESPN que ele vê SJ raiz e que precisaria apenas de uma cobertura e banheiros e tá bom, outro lixo de ideia e sabe porque esses caras dizem isso? Pois pra fazer essas coisas, colocar uma cobertura e fechar o anel é simples em detrimento de ter COMPETÊNCIA administrativa pra fazer uma arena ou um novo estádio moderno ( como queiram ) com tudo que um estádio multiuso tem pra gerar RECEITAS constantes ao clube. Os porcos JAMAIS estariam nesta atual situação de tranquilidade financeira se não tivessem a Allianz parque, um estádio que tomou tudo que é receita do Morumbi em termos de shows, pois oferece uma estrutura moderna, com recursos tecnológico que a maioria nem sabe que tem lá, a não ser que vá no site da W TORRE e pesquise ou veja reportagens na rede sobre o estádio deles. O Vasco carece e muito de surgir ALGUÉM que ainda não surgiu, uma pessoa que tenha visão de negócios e não seja um politiqueiro de bosta querendo apenas sugar do clube. Hoje quando você ve um Fred Lopes, um Leven Siano, e tantos outros grupelhos cheios de FRACASSADOS querendo se apossar do clube é aí que entra a tristeza pois são mais do mesmo que o clube teve ao longo dos últimos 40 anos.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

ADEMIRCRUELO
Júnior
Júnior
Mensagens: 1225
Registrado em: 10 Jul 2019, 23:02

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por ADEMIRCRUELO » 19 Jul 2019, 16:18

Muita ingenuidade achar que o Campelo e cia vão largar o osso.

jpdantas
Júnior
Júnior
Mensagens: 1299
Registrado em: 05 Fev 2017, 18:28
Localização: Natal

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por jpdantas » 19 Jul 2019, 17:12

Vascaíno Patriota escreveu:
18 Jul 2019, 14:53
O Vasco tem que seguir modelos profissionais de gestão e EXTINGUIR em definitivo o clube social. Olhem como a Juventus funciona, e verão o motivo do sucesso deles. ÓBVIO que pra algo assim ocorrer no Vasco o estatuto imbecil e amador tem que ser todo modificado.

A Juventus Football Club SpA, uma empresa listada na Bolsa de Valores italiana, adota um sistema tradicional de administração e controle que prevê uma divisão de responsabilidades entre a Assembleia de Acionistas, o Conselho de Administração e o Conselho de Auditores Estatutários.

O sistema de governança corporativa da Juventus, como um conjunto de regras e métodos de planejamento, gerenciamento e controle necessários para a Companhia operar, foi delineado pelo Conselho de Administração em conformidade com a legislação a qual a Companhia está sujeita como Emissora listada, bem como em aceitação. o Código de Conduta e as melhores práticas nacionais e internacionais com as quais a Companhia compara.

Os elementos em que se baseia o sistema de governança corporativa da Companhia são:

o conjunto de valores definidos no Código de Ética;
o papel central do Conselho de Administração;
transparência de gestão;
a cuidadosa distribuição de responsabilidades em relação à gestão, monitoramento e avaliação do sistema de controle interno e gerenciamento de riscos;
o sistema de governança de risco em linha com as melhores práticas;
o sistema de remuneração e incentivos aos gestores, construído com base nas características específicas do setor;
funcionários.
PDF completo: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br ... =000967762
O Vasco não consegue captar nem sócio-torcedores no RJ, quanto mais acionistas em todo o BR que confiarão na governança do clube e nas suas finanças.
Se não escolhermos as nossas prioridades alguém fará isso por nós.

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 18:06

jpdantas escreveu:
19 Jul 2019, 17:12
Vascaíno Patriota escreveu:
18 Jul 2019, 14:53
O Vasco tem que seguir modelos profissionais de gestão e EXTINGUIR em definitivo o clube social. Olhem como a Juventus funciona, e verão o motivo do sucesso deles. ÓBVIO que pra algo assim ocorrer no Vasco o estatuto imbecil e amador tem que ser todo modificado.

A Juventus Football Club SpA, uma empresa listada na Bolsa de Valores italiana, adota um sistema tradicional de administração e controle que prevê uma divisão de responsabilidades entre a Assembleia de Acionistas, o Conselho de Administração e o Conselho de Auditores Estatutários.

O sistema de governança corporativa da Juventus, como um conjunto de regras e métodos de planejamento, gerenciamento e controle necessários para a Companhia operar, foi delineado pelo Conselho de Administração em conformidade com a legislação a qual a Companhia está sujeita como Emissora listada, bem como em aceitação. o Código de Conduta e as melhores práticas nacionais e internacionais com as quais a Companhia compara.

Os elementos em que se baseia o sistema de governança corporativa da Companhia são:

o conjunto de valores definidos no Código de Ética;
o papel central do Conselho de Administração;
transparência de gestão;
a cuidadosa distribuição de responsabilidades em relação à gestão, monitoramento e avaliação do sistema de controle interno e gerenciamento de riscos;
o sistema de governança de risco em linha com as melhores práticas;
o sistema de remuneração e incentivos aos gestores, construído com base nas características específicas do setor;
funcionários.
PDF completo: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br ... =000967762
O Vasco não consegue captar nem sócio-torcedores no RJ, quanto mais acionistas em todo o BR que confiarão na governança do clube e nas suas finanças.
É PRECISAMENTE por esta razão que o que o Daniel e eu falamos ganha ainda mais força e propósito. Se fosse pra ficar tudo na mesma, nem este tópico seria criado. :acclaim:
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Eternamente VASCO
Promessa
Promessa
Mensagens: 119
Registrado em: 11 Jul 2019, 12:01

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Eternamente VASCO » 19 Jul 2019, 18:31

natanaelfm escreveu:
19 Jul 2019, 12:08
Com todo respeito.

Querem aprovar isso?

Vamos primeiro buscar eleições diretas no clube.
Eu estou de acordo com você, pois não será o Campello nem outro sobrenome qualquer, eleito indiretamente, que vai mudar este modelo anacrônico de administração, que reduz sistematicamente a grandeza do nosso amado VASCO.
Por amor incondicional ao VASCO, eu sou SÓCIO TORCEDOR!!!

Bacurau
Júnior
Júnior
Mensagens: 1958
Registrado em: 02 Jan 2017, 20:46

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Bacurau » 19 Jul 2019, 18:45

ADEMIRCRUELO escreveu:
19 Jul 2019, 16:18
Muita ingenuidade achar que o Campelo e cia vão largar o osso.
Não sé eles, o Vasco está cercado por pilantras por todos os lados - Quem está fora quer entrar e quem está dentro não sai.

Modernidade, inovação, transparência, etc e tal... Tem muito fantasma para exorcizar antes disso.

Chourisso1
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 642
Registrado em: 12 Mar 2019, 19:32

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Chourisso1 » 19 Jul 2019, 19:11

Sou contra o Vasco ter um dono. Temos que reformar o estatuto para ter eleições diretas, punições a dirigentes, transparência total das contas do clube etc...

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 19:24

Chourisso1 escreveu:
19 Jul 2019, 19:11
Sou contra o Vasco ter um dono. Temos que reformar o estatuto para ter eleições diretas, punições a dirigentes, transparência total das contas do clube etc...
De onde você tirou essa ideia? O tópico nem de longe aborda o Vasco ter um dono. Já que falou isso COM CERTEZA não entendeu nada do que está exposto aqui. A Juventus não tem um dono, o CAP, Grêmio, Londrina, Bahia, Inter também não têm donos e TODOS abandonaram a gestão amadora de clube social.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Eternamente VASCO
Promessa
Promessa
Mensagens: 119
Registrado em: 11 Jul 2019, 12:01

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Eternamente VASCO » 19 Jul 2019, 19:29

O nosso amado VASCO só tem um dono: O torcedor vascaíno.

Como único dono, torna-se necessário saber: o torcedor vascaíno realmente que abandonar a gestão amadora de clube social?

Eu digo sim.
Por amor incondicional ao VASCO, eu sou SÓCIO TORCEDOR!!!

Chourisso1
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 642
Registrado em: 12 Mar 2019, 19:32

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Chourisso1 » 19 Jul 2019, 19:31

Vascaíno Patriota escreveu:
19 Jul 2019, 19:24
Chourisso1 escreveu:
19 Jul 2019, 19:11
Sou contra o Vasco ter um dono. Temos que reformar o estatuto para ter eleições diretas, punições a dirigentes, transparência total das contas do clube etc...
De onde você tirou essa ideia? O tópico nem de longe aborda o Vasco ter um dono. Já que falou isso COM CERTEZA não entendeu nada do que está exposto aqui. A Juventus não tem um dono, o CAP, Grêmio, Londrina, Bahia, Inter também não têm donos e TODOS abandonaram a gestão amadora de clube social.
Tô ligado e mesmo que podesse ter dono no Brasil acho que não é permitido, mas o Petraglia manda no CAP atualmente, alterou a identidade do clube e a maioria dos torcedores não gostou nem um pouco, não tem torcida visitante na arena do CAP, praticamente ele é o dono do CAP

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 19:42

Chourisso1 escreveu:
19 Jul 2019, 19:31
Vascaíno Patriota escreveu:
19 Jul 2019, 19:24
Chourisso1 escreveu:
19 Jul 2019, 19:11
Sou contra o Vasco ter um dono. Temos que reformar o estatuto para ter eleições diretas, punições a dirigentes, transparência total das contas do clube etc...
De onde você tirou essa ideia? O tópico nem de longe aborda o Vasco ter um dono. Já que falou isso COM CERTEZA não entendeu nada do que está exposto aqui. A Juventus não tem um dono, o CAP, Grêmio, Londrina, Bahia, Inter também não têm donos e TODOS abandonaram a gestão amadora de clube social.
Tô ligado e mesmo que podesse ter dono no Brasil acho que não é permitido, mas o Petraglia manda no CAP atualmente, alterou a identidade do clube e a maioria dos torcedores não gostou nem um pouco, não tem torcida visitante na arena do CAP, praticamente ele é o dono do CAP
MAS aí você abordou algo extra usual, pois amadores marginais que PENSAM que mandam nos clubes eventualmente podem surgir mas é FATO que nem os demais dirigentes do CAP apoiam isso e o mundo hodierno não comporta mais esses tipos de vermes amadores. O daqui que destruiu o club, já está no inferno e os que restaram em um ou outro clube também sumirão naturalmente dentro dos novos modelos de gestão que os grandes clubes TERÃO inexoravelmente de adotar se quiserem se sobressair. A ideia primordial deste tópico é tratar a respeito dos novos modelos de gerir um club, de forma a elevar o PATAMAR FINANCEIRO E DESPORTIVO.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Eternamente VASCO
Promessa
Promessa
Mensagens: 119
Registrado em: 11 Jul 2019, 12:01

PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Eternamente VASCO » 19 Jul 2019, 19:52

Profissionalização do futebol brasileiro é a saída para independência financeira de clubes

Hoje, 19 de julho, comemora-se o Dia Nacional do Futebol.

O presente ensaio tem como intuito defender e reforçar manifestação publicada no Estadão de 12-4-2019, quanto a urgente necessidade de se profissionalizar o futebol brasileiro com regras de gestão e eficiência administrativa, como único caminho para sua independência financeira.

O melhor e mais criativo futebol do mundo está no Brasil e precisa definitivamente ser tratado como uma indústria considerando a importância para a economia nacional, geração de empregos e pagamento de tributos. Notamos, nos últimos anos, uma evolução significativa considerando o crescimento de quase 100% no faturamento dos clubes nos últimos 8 anos.

Apenas para ilustrar a força econômica do Futebol no Mundo, a primeira divisão do Campeonato Inglês gera anualmente quase €5 Bilhões enquanto a Bundesliga cerca de €4,5bilhões. Apesar de ser importante observar fatores econômicos como PIB e renda per capita destes mercados, estes valores demonstram a capacidade da indústria do futebol de geração de riqueza para um país.

A evolução desta indústria do futebol no Brasil perpassa principalmente por um movimento dos Clubes. Já é possível verificar modelos vencedores como do Flamengo e Palmeiras que em 2018 representaram um quarto da receita total dos 27 principais clubes do país. Nestes casos, os Clubes ainda operam como associações sem fins lucrativos, mas implementaram projetos de alteração de modelo e gestão de longo prazo.

Outro modelo interessante é o caso do Bragantino que foi recentemente adquirido pela multinacional de bebidas Red Bull que já detinha outros 04 clubes pelo mundo e implantou um modelo totalmente profissional com fins lucrativos (pagando imposto regularmente como qualquer empresa) e já demonstra resultados positivos dentro de campo liderando a série B do nacional.

É de extrema importância que os Clubes reflitam quanto ao modelo que será adotado levando em conta que dificilmente um possível investidor terá segurança para aportar recursos financeiros em um time com caráter associativo que mude de gestão a cada três anos (ou menos) e que as decisões são tomadas considerando aspectos políticos dos associados e não objetivos como existem nas empresas.

É indispensável também que um grupo de Clubes que apresente dificuldade de fluxo de caixa, alto nível de endividamento e baixas receitas recorrentes avaliem a possibilidade de transitar para um modelo profissional totalmente apartado das atividades sociais para possibilitar a captação de recursos e buscar resultados financeiros e esportivos positivos.

Vale mencionar, ainda, outras mudanças que ocorrem atualmente no mercado brasileiro. Destacamos as oportunidades que serão geradas com a comercialização dos direitos internacionais de transmissão, bem como as oportunidades derivadas de apostas esportivas.

Em conclusão, as oportunidades estão nas portas dos clubes brasileiros. Existem projetos de lei em análise no Congresso que irão incentivar os Clubes para estas mudanças considerando segurança jurídica e tributação diferenciada. Entretanto, entendemos que os clubes que se anteciparem à aprovação da Lei (sem aguardar o tempo do Congresso Nacional) terão uma imensa vantagem competitiva perante aos demais concorrentes (adversários) e assim como em qualquer área, sobreviverão apenas aqueles que conseguirem se adequar à nova realidade desta indústria cada vez mais profissional.

*Daniel Kalume, sócio do Mota Kalume Advogados; Gustavo Hazan, líder da área de Esportes da EY


https://politica.estadao.com.br/blogs/f ... de-clubes/

https://politica.estadao.com.br/blogs/f ... os-clubes/
Por amor incondicional ao VASCO, eu sou SÓCIO TORCEDOR!!!

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 20:00

Eternamente VASCO escreveu:
19 Jul 2019, 19:52
Profissionalização do futebol brasileiro é a saída para independência financeira de clubes

Hoje, 19 de julho, comemora-se o Dia Nacional do Futebol.

O presente ensaio tem como intuito defender e reforçar manifestação publicada no Estadão de 12-4-2019, quanto a urgente necessidade de se profissionalizar o futebol brasileiro com regras de gestão e eficiência administrativa, como único caminho para sua independência financeira.

O melhor e mais criativo futebol do mundo está no Brasil e precisa definitivamente ser tratado como uma indústria considerando a importância para a economia nacional, geração de empregos e pagamento de tributos. Notamos, nos últimos anos, uma evolução significativa considerando o crescimento de quase 100% no faturamento dos clubes nos últimos 8 anos.

Apenas para ilustrar a força econômica do Futebol no Mundo, a primeira divisão do Campeonato Inglês gera anualmente quase €5 Bilhões enquanto a Bundesliga cerca de €4,5bilhões. Apesar de ser importante observar fatores econômicos como PIB e renda per capita destes mercados, estes valores demonstram a capacidade da indústria do futebol de geração de riqueza para um país.

A evolução desta indústria do futebol no Brasil perpassa principalmente por um movimento dos Clubes. Já é possível verificar modelos vencedores como do Flamengo e Palmeiras que em 2018 representaram um quarto da receita total dos 27 principais clubes do país. Nestes casos, os Clubes ainda operam como associações sem fins lucrativos, mas implementaram projetos de alteração de modelo e gestão de longo prazo.

Outro modelo interessante é o caso do Bragantino que foi recentemente adquirido pela multinacional de bebidas Red Bull que já detinha outros 04 clubes pelo mundo e implantou um modelo totalmente profissional com fins lucrativos (pagando imposto regularmente como qualquer empresa) e já demonstra resultados positivos dentro de campo liderando a série B do nacional.

É de extrema importância que os Clubes reflitam quanto ao modelo que será adotado levando em conta que dificilmente um possível investidor terá segurança para aportar recursos financeiros em um time com caráter associativo que mude de gestão a cada três anos (ou menos) e que as decisões são tomadas considerando aspectos políticos dos associados e não objetivos como existem nas empresas.

É indispensável também que um grupo de Clubes que apresente dificuldade de fluxo de caixa, alto nível de endividamento e baixas receitas recorrentes avaliem a possibilidade de transitar para um modelo profissional totalmente apartado das atividades sociais para possibilitar a captação de recursos e buscar resultados financeiros e esportivos positivos.

Vale mencionar, ainda, outras mudanças que ocorrem atualmente no mercado brasileiro. Destacamos as oportunidades que serão geradas com a comercialização dos direitos internacionais de transmissão, bem como as oportunidades derivadas de apostas esportivas.

Em conclusão, as oportunidades estão nas portas dos clubes brasileiros. Existem projetos de lei em análise no Congresso que irão incentivar os Clubes para estas mudanças considerando segurança jurídica e tributação diferenciada. Entretanto, entendemos que os clubes que se anteciparem à aprovação da Lei (sem aguardar o tempo do Congresso Nacional) terão uma imensa vantagem competitiva perante aos demais concorrentes (adversários) e assim como em qualquer área, sobreviverão apenas aqueles que conseguirem se adequar à nova realidade desta indústria cada vez mais profissional.

*Daniel Kalume, sócio do Mota Kalume Advogados; Gustavo Hazan, líder da área de Esportes da EY


https://politica.estadao.com.br/blogs/f ... de-clubes/

https://politica.estadao.com.br/blogs/f ... os-clubes/
EXATAMENTE!!!!! OU muda-se totalmente saindo do amadorismo extremo ao profissionalismo, ou fecha-se as portas, se não no sentido literal, mas em sentido prático.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Chourisso1
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 642
Registrado em: 12 Mar 2019, 19:32

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Chourisso1 » 19 Jul 2019, 20:56

Tanto faz, se esses beneméritos continuarem mandando no Vasco não há projeto que dê certo, o Vasco já teve patrocínio milionário do Nations Bank e o Eurico enfiou metade no cu e os beneméritos apoiavam esse lixo, eles não levantam 1 dedo pra investigar nada que o Eurico fez dentro do clube e olha que foram muitas coisas, recentemente Lasa e Diadora que o Vasco paga pelas camisas. Já teve 2 eleições no mínimo com fraldes comprovadas e esse merdas continuam puxando o saco do filho do Eurico, Euriquinho, outro merda.

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 19 Jul 2019, 21:44

Chourisso1 escreveu:
19 Jul 2019, 20:56
Tanto faz, se esses beneméritos continuarem mandando no Vasco não há projeto que dê certo, o Vasco já teve patrocínio milionário do Nations Bank e o Eurico enfiou metade no cu e os beneméritos apoiavam esse lixo, eles não levantam 1 dedo pra investigar nada que o Eurico fez dentro do clube e olha que foram muitas coisas, recentemente Lasa e Diadora que o Vasco paga pelas camisas. Já teve 2 eleições no mínimo com fraldes comprovadas e esse merdas continuam puxando o saco do filho do Eurico, Euriquinho, outro merda.
Esses FATOS que você está mencionando SÓ REFORÇAM AINDA MAIS a necessidade do Vasco MUDAR em DEFINITIVO os rumos do club, contudo pra se chegar a isso muito provavelmente será na base da força, pois marginais nunca largam o osso, mesmo que quase não haja mais osso pra roerem. Melhor o VASCO se tornar uma S/A do que sumir de vez do futebol o que está muito, muito próximo de acontecer, SE UMA MUDANÇA PROFUNDA não for executada.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Avatar do usuário
Conde de Vidigueira
Júnior
Júnior
Mensagens: 1391
Registrado em: 18 Jul 2018, 00:28
Localização: Osasco

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Conde de Vidigueira » 20 Jul 2019, 10:10

Acho uma ideia terrível.

Avatar do usuário
Vascaíno Patriota
Júnior
Júnior
Mensagens: 3564
Registrado em: 24 Ago 2016, 22:27

Re: PROJETO - TERCEIRIZAÇÃO DO DEPTO DE FUTEBOL

Mensagem por Vascaíno Patriota » 20 Jul 2019, 12:07

Conde de Vidigueira escreveu:
20 Jul 2019, 10:10
Acho uma ideia terrível.
O AMADORISMO é sempre TERRÍVEL, é por isso o Vasco está quase fechando as portas. Mas isso todos já sabemos há décadas e por isso este tópico foi criado pra sugerir ideias que EXORCIZEM esse amadorismo imundo do club, antes que seja tarde demais.
CLUBES EMPRESA :din:
A Nova Realidade do Futebol Brasileiro

Responder

Voltar para “Ideias & Projetos para o Vasco”