EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Comente aqui tudo que envolve a Política Vascaína.
Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 19:54

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 19:32
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 18:40
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 17:18


Propaganda pura, qualquer pessoa que não esteja cega por ódio ao Eurico percebe isso, basta ver como eles falam dos outros clubes para deixar o Vasco de fora da discussão.

Depois de ser questionado esse bostinha da época ficou repetindo.

O Vasco teve superávit de R$ 12 milhões, mas recebeu R$ 60 milhões em luvas da TV (receita não recorrente). Isso mostra que teria déficit se não fosse uma receita extraordinária, que não se repetirá em 2017. As contas estão desajustadas. Lamento.

Antes eram 250 milhões, agora são 48.

"(...)Dito isso, comecemos pelo dinheiro que entra no caixa. O Vasco faturou R$ 213 milhões em 2016, o maior valor de sua história, mas com um enorme asterisco. A maior parte do aumento se deve aos R$ 60 milhões em luvas que recebeu da TV Globo por vender, antecipadamente, os direitos de transmissão para as temporadas de 2019 a 2024. O faturamento recorrente, sem as luvas, está na casa dos R$ 150 milhões. Outras fontes de receitas mostram performances preocupantes. O Vasco teve em 2016 as piores rendas de sua história recente – desde 2010, quando passou a detalhá-las – em bilheterias, patrocínios e transferências de atletas. O que segura as pontas é a TV.

Depois vem o dinheiro que sai do caixa. Apesar de jogar a Série B, campeonato no qual a competitividade é menor, os gastos aumentaram para quase R$ 200 milhões. Repare o descompasso entre quanto o Vasco arrecada e quanto o Vasco gasta. Faltaram R$ 50 milhões para que o clube conseguisse apenas fechar a conta – sem que pagasse um centavo sequer das dívidas que acumulou ao longo dos últimos anos, assunto para o parágrafo seguinte. Eurico só terminou o ano no azul porque recebeu as luvas pelo contrato de 2019 a 2024. Uma receita que não se repetirá nem em 2017, nem tão logo.

Se o problema fosse pontualmente o descompasso entre receitas e despesas, estaria tudo certo. O Vasco tem condições de, na primeira divisão, elevar suas receitas com bilheterias e patrocínios para tentar fechar a conta. Mas não é o caso. O resultado das trágicas gestões de Roberto Dinamite e do próprio Eurico é um endividamento maior do que o Vasco. O clube possui R$ 205 milhões em dívidas de curto prazo, que precisam ser pagas no decorrer de 2017, equivalentes a 40% de todo o seu endividamento. Você não precisa de calculadora para chegar à conclusão. Se o Vasco fatura coisa de R$ 150 milhões, mas gasta R$ 200 milhões com despesas e tem R$ 205 milhões a pagar em dívidas, faltam R$ 255 milhões apenas para que o clube termine 2017 no zero a zero. A auditoria é clara sobre a situação no relatório que acompanha o balanço: “Eventos ou condições futuras podem levar o Vasco a não mais se manter em continuidade operacional”. Em português claro: o Vasco pode quebrar de vez.

Eurico alega que a situação hoje é melhor do que quando reassumiu o time, no fim de 2014. É verdade. O endividamento foi reduzido de R$ 653 milhões naquele ano para R$ 517 milhões em 2016. Mas a razão precisa ser colocada em contexto. A direção vascaína abateu R$ 113 milhões de sua dívida com o governo, via renegociação do Profut, graças a descontos em juros, multas e encargos. Não há dúvida de que a diminuição e o alongamento da dívida fiscal foram uma vitória. Isso destravou os pagamentos do patrocínio estatal da Caixa, que exige lisura nas obrigações com o governo para pôr o dinheiro na conta do clube. Só não dá para se apegar à redução de uma dívida de longo prazo para colar a versão de que as coisas melhoraram.(...)"

-
Posto isso, os gastos com o clube em si são de 200 milhões (o cara deixou subentendido q fosse apenas no futebol, com essa grana só nesse esporte se monta fácil um time q não só ganhe a série B com um pé nas costas como ainda se briga por títulos na série A) e, de 2017 até 2024, se conseguir manter o padrão de 2016 o clube vai faturar 150 milhões por ano somado todas as suas receitas.

Isso significa q, só de receitas - despesas por ano nós deveremos fechar com prejuízo de 50 milhões por ano até 2024 (variações podem ocorrer à medida q as receitas aumentem ou diminuam a cada ano e o mesmo vale para as despesas).

Agora, à parte disso, tem as dívidas q caíram de um total de 653 para 517 milhões de reais graças ao PROFUT, sendo desse montante 205 para serem pagas até o final deste ano, nem imagino o q o clube poderia pagar de multas e juros caso atrasem estes compromissos...

Isso não é história da Época, tá no balanço do clube (a não ser q a gnt passe a acreditar q os caras fraudaram documento oficial/inventaram números do nada).


Se for propaganda, e isto está no balanço do clube, de repente é do Eurico q gosta de chorar sabotagem da Globo, q encontrou terra arrasada (e achou mesmo, mas tbm teve a parte dele nisso), q sofre um complô da oposição e etc...

Agora, o q ele ganharia expondo uma mentira desse nível quando ele precisa, justamente, do efeito contrário pra seguir sem perturbação no comando da capitania (semi-)hereditária?
Você copiou e repetiu tudo o que ele falou, nada mais, é absurdo achar que as receitas do Vasco vão ficar congeladas em 150 milhões.
É impressionante como alguém falar mal do Vasco ou do Eurico assanha um monte de gente aqui no fórum, não precisa fazer o menor sentido.
Nem o cara que escreveu a matéria e muito menos eu, que ainda fiz um parêntese à respeito, dissemos q a receita vai congelar ou q o custo vai se manter estável.

A crítica do cara tá clara, pra 2017 deu ruim. E se mantiver níveis parecidos daqui pra frente fudeu.

Apenas isso...
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Euriquinho
Promessa
Promessa
Mensagens: 132
Registrado em: 21 Fev 2016, 00:30

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Euriquinho » 16 Mai 2017, 19:56

rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 19:42
Spider escreveu:
16 Mai 2017, 17:15
rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 17:00


Estar 16 anos na merda e 1 ano e meio na boa não pode ser considerado fase cíclica. Foi apenas um ponto fora da curva essa época boa.

Fase é quando se dura 3, 4 ou mais anos. Fora isso não pode ser considerado fase.
Não é pra tanto...tivemos uma boa fase sim em 2006 com final de copa do brasil e um 5o lugar no brasileiro. Depois em 2011 e 2012. Em 2010 e começo de 2011 estávamos assim também, nos rasgando pelo cú, achando que nunca mais veríamos o Vasco disputando títulos. O problema é fazer a boa fase durar mais que uma temporada.
Vc ta de brincadeira? Desde quando ser vice e quinto lugar pode ser fase boa?

Última fase boa foi de 97 à 2000! Depois disso não existiu mais fase nenhuma!

Pare de pensar pequeno cara! Time grande não pode considerar um vice campeonato e quinto lugar como fase boa!
:acclaim:
Imagem

Avatar do usuário
rafael.pereira
Júnior
Júnior
Mensagens: 3496
Registrado em: 30 Dez 2015, 17:57

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por rafael.pereira » 16 Mai 2017, 19:57

Desde a época do Banana o Vasco paga (OBRIGATORIAMENTE via justiça) quase 40 milhões só de JUROS das dívidas! Só vcs olharem como que a dívida com a fazenda por exemplo se abate lentamente ano à ano. Paga-se mais juros do que a dívida inicial.

Enquanto as receitas do Vasco não forem altas o suficiente para pagar esses juros e mais a dívida em si, estaremos com uma dívida impagável como ocorre hoje!

O único erro da revista foi dá uma enfase maior ao Vasco como fossemos os únicos fodidos nessa história! Acrescentem ai Botinha e florminenC. Tem o Atlético Mg tb, mas eles possui uma diversidade maior de obter receitas em relação aos 3 clubes do RJ, então respiram melhor!
Imagem

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 19:59

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 19:38
Marcelo escreveu:
16 Mai 2017, 19:29
Não importa se a revista Época foi tendenciosa ou não. O que é fato e notório é que o Vasco tem sim uma finança horrível, temerosa e isso é inquestionável.

E não adiantar falar que essa opinião é fruto de "não saber o dia a dia do clube" ou que a gestão passada fez isso e aquilo.

Basta ver como os gastos estão sendo feitos AGORA: diversos jogadores contratados e em questão de meses já são questionados. Nenhum jogador está absoluto no time. A maioria podia até sair fora. Se pudéssemos devolver os jogadores como devolvemos os produtos que compramos e que não nos atendem, te garanto que TODOS esses jogadores contratados para esta temporada seriam devolvidos. Até mesmo o Escudero, vulgo presente de natal, ou o fabuloso cone Luis Fabiano (vergonha alheia de quem o recebeu no aeroporto). Isso pra não falar do Cristóvão Borges ou das briguinhas do filhinho do todo poderoso, que coloca seu ego acima do clube... menos pra desfilar de camaro. E que tal falar da venda do Luan por um preço irrisório? E o doutô todo poderoso tá que contrata mais e mais refugo... com que dinheiro, não sei. Talvez o Carlos Leite saiba.

Sem contar os gastos pra remendar o estádio.... ver qualquer video do estádio do Palmeiras dá uma inveja absurda. Maaas, o Vasco faz um puxadinho aqui, outro ali.... vai ficar remendando pra sempre. É como uma casa velha, dá problema aqui, outro ali... e o dinheiro vai embora. Será que não seria o melhor marketing do mundo o Vasco mostrar que não é só o único clube do Rio que tem estádio próprio (não considero o engenhão do botafogo...não vale), mas como o mais moderno? Nego poderia falar o que quisesse, mas o Vasco seria mais uma vez a vanguarda no Rio, no quesito estrutura para jogos e para o seu torcedor.

Mas, o Vasco atual com seus hábitos antigos e ultrapassados reflete exatamente a realidade do clube: vive do passado. É tão nostálgico ver os videos dos anos 90 ou 80.... mas dos últimos 15 anos, todo mundo quer esquecer. A copa do brasil de 2011 é aquele respiro que ainda salva.

Os clubes estão cada vez mais se modernizando, cada vez mais aprimorando um futebol moderno, rápido e eficaz. Podem balançar aqui e ali, afinal, futebol brasileiro é concorrido, mas não vejo esses clubes grandes a 36 rodadas seguidas na zona de rebaixamento.

Do jeito que está, aonde o Vasco vai parar? Na sibéria?
Sim é verdade, agora outro dia eu critiquei o fato do Vasco tem 46 jogadores no elenco, que era inviável para um time pagar salários para tanta gente, que times como Juventus, Barcelona e Real tem em média 26 jogadores, quase me mataram, as pessoas vivem em um mundo só delas, o que fazer para resolver? Ninguém fala nada. Se o Vasco tem problemas financeiros deveria formar um elenco com 23 jogadores mais 6 da base e pronto, economiza, melhor de 23 bons jogadores mais a base para compor do que ter 46, mas o pessoal pensa futebol nos padrões de LFoot.
Aqui eu vou concordar com vc.

Elenco muito inchado além de obscenamente caro ainda dilui muito o potencial técnico da equipe. Até pq um monte fica parado um tempão e depois tem q entrar na fogueira e não resolve.

Pra não dizer 29, vai lá e bota 33 q no ruim vc forma 3 times caso algo dê muito errado (suspensões ou leões demais durante algum tempo)
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:00

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:49
Nota do clube:

"Terça-feira, 16/05/2017 - 18:56
Resposta a uma análise política do balanço

A edição digital da revista Época traz uma tentativa de análise do balanço de alguns clubes brasileiros. 1Em relação ao Vasco o resultado é distorcido e errado devido a falta de conhecimento do dia a dia de um clube e mais a clara intenção de misturar política e números com aspecto de isenção.

A PREMISSA ERRADA

2 O balanço de 2016 não é uma peça isolada e sim uma evolução histórica de todo um passado recente. Desde o primeiro momento que esta diretoria assumiu, em dezembro de 2014, deu conhecimento aos vascaínos da gravidade da situação deixada. Ninguém que leu os diversos comunicados dos últimos dois anos e meio deixou de ter a visão de que o Vasco precisa primeiro recuperar capacidade de investimento e isso significa reduzir o endividamento e buscar novas receitas.

A administração anterior deixou o clube com salários atrasados ( naquele momento 3 folhas salariais, mas ao longo do mandato chegou a acumular 5), impostos atrasados, sem certidão negativa e por isso nem receber o patrocínio da Caixa era possível. Isso sem falar no patrimônio deteriorado: Ginásio destruído, Parque Aquático destruído, Pousada do Almirante depredada, lixo e sujeira por todo o estádio. Essa é uma verdade incontestável.

E o que foi feito imediatamente? 3O Vasco pagou mais de 12 milhões de reais em impostos daquele ano para regularizar a situação fiscal. Com isso conseguiu as certidões necessárias a receber o que estava pendente na Caixa . Também iniciou um processo forte de recuperação e viabilização do funcionamento do clube que era assolado por penhoras, 4 muitas delas vindo de confissões de dívidas assinadas entre agosto de 2014 e novembro de 2014, exatamente o período de adiamento das eleições. Ficou claro que houve ali um acerto de contas entre amigos, inclusive com a participação de muitos que agora querem voltar ao clube. Um prejuízo de milhões de reais que também tinha como objetivo paralisar a nova administração.

Portanto, o quadro de dificuldades era conhecido e foi mostrado aos vascaínos. Ainda assim, de 2015 para cá, os impostos foram pagos, mesmo antes do Profut. Mas vale ressaltar que o Vasco hoje, além do Profut, paga os impostos em dia para poder manter as certidões. E também é importante saber que o Vasco paga ou pagou a equipe formada , por exemplo, em 2011/2102 Foram cobranças na Justiça ( e até na Fifa )por atletas como Eder Luis, Felipe Bastos, Fagner, Fernando Prass, Felipe, Tenório e muitos outros. Entre 2015 e 2016 o Vasco pagou dois elencos, o que jogava e o que tinha jogado em anos anteriores.

O ERRO NOS GASTOS DE 2016

A análise foi tão primária que diz que, mesmo disputando a série B, os gastos subiram para 200 milhões de reais. Ou seja, atribui os gastos do clube ao time de futebol. Erro primário. 5Os 200 milhões de reais foram os gastos totais do Vasco, incluindo impostos recolhidos, pagamento de dívidas ( só acordos judiciais chegaram a 3 milhões de reais/mês), despesas gerais e manutenção do patrimônio.

Basta andar em São Januário para ver a recuperação do patrimônio e isso não se faz de graça. Mesmo quando conseguimos recursos de fora, como os convênios com a CBC – Comitê Brasileiro de Clubes – esses só podem existir porque estamos regulares com a questão fiscal. E a recuperação do Ginásio, que contou com apoio da torcida, ou da piscina olímpica, prestes a ser entregue para uso novamente, e que obteve recursos da CBC, só foram possíveis porque o Vasco também colocou dinheiro nos projetos. Assim como a construção do Caprres, centro de excelência em recuperação de atletas, contou com a parceria da Brahma, mas com alto investimento do Vasco, que também construiu com recursos próprios o Caprres da Base.

E na receita o texto publicado pela Época não observa que, ao contrário de outros clubes, o Vasco só lançou as luvas que recebeu efetivamente da televisão. Nada foi colocado de recebimentos futuros. O texto tira a conclusão de que o clube não poderia conseguir outras receitas, 6esquecendo que outras agremiações colocaram ano passado em seus balanços valores altos de venda de direitos econômicos de jogadores, o que não foi o caso do Vasco, que tem campo aberto nessa questão.

E ainda há outro erro de interpretação: 7ao contrário do que diz o texto os 205 milhões de reais em dívidas de curto prazo não precisam obrigatoriamente ser pagos em 2017. São compromissos em negociação, o que obviamente permitirá alongar esse montante.

A mistura de técnica com política fica clara quando o colunista fala de dívidas deixadas por Eurico e Roberto, mas reconhece que é verdade a diminuição do endividamento de dezembro de 2014 para cá. 8 Vale lembrar que Eurico Miranda ao sair do Vasco em 30 de Junho de 2008, deixou o clube inscrito regularmente na Timemania e com as Certidões Negativas. A dívida de 190 milhões de reais em junho foi jogada para mais de 300 milhões de reais em seis meses por uma canetada contábil da administração que começava.

Mas os números de dezembro de 2008 foram simplesmente dobrados em 6 anos, chegando a quase 700 milhões de reais, num período de forte crescimento econômico do Brasil e de alto investimento no esporte por causa da Copa do Mundo. O Vasco perdeu naquela fase todas as chances de se equilibrar e ainda se afundou em dívidas.

De dezembro de 2014 para cá a opção foi pela responsabilidade fiscal, aliás a única possível para que num futuro próximo o clube recupere capacidade de investimento. Isso foi sempre dito aos vascaínos, inclusive com o desgaste de não podermos investir no futebol o que gostaríamos. Agora, o texto da Época está atrasado 3 anos e tem claro viés político ao insinuar que é tudo igual. Não é verdade. Basta ver o patrimônio recuperado, o investimento esportivo, social e educativo na base, a diminuição das dívidas. O caminho ainda é muito difícil, o clube não suporta aventuras e a austeridade ainda permanecerá, mas está longe do terrorismo que a Época tenta passar. "


Tá:
1- Deixa adivinhar... Quem não sabe o nome do porteiro, do pessoal da limpeza e da tia da cantina não pode falar nada? Erraram só o do Vasco?

2- Isso todos sabem, só que essa conversa fica meio mole depois que o Almir Somoggi (um dos mais requisitados profissionais da área) analisa o histórico financeiro que vc cedeu ao Mauro César Pereira da ESPN Brasil e a auditoria que analisa o balanço feito pela sua equipe chegam na conclusão que os números não podem ser atestados de modo confiável pois faltam comprovações dos mesmos...

3- Esse dinheiro surgiu do nada? Pq, ao q me consta, o clube abriu mão de uma decisão judicial que o respaldava de não pagar 8 milhões de reais ao José Luiz Moreira. E segundo vc, as cotas de patrocínio e transmissão de tv já haviam sido antecipadas, salvo engano meu, por mais 2 anos pra frente...

4- O presidente anterior disse a mesma coisa pelo período de junho de 2007-maio de 2008, curioso...

5- Então não é viagem da Época? Hm...

6- Se for como vendemos o Mateus Índio (q reza a lenda q tinha uma multa de R$ 22 milhões mas foi vendido por apenas R$1 milhão) vamos ter que vender 50 jogadores por ano apenas para equilibrar os gastos operacionais do clube, se for contar mais as dívidas equacionadas, aí a quantidade vai ficar maior de um ano para o outro...

7- Isso sim é uma boa notícia, torço pra que seja verdade. PS: Vcs lembraram de avisar isso ao pessoal da imprensa antes de tornarem o documento público?

8- Ah velho, qual é!? Vai insistir nesse papo de novo? Pomba, quer dizer que vc faz auditoria melhor q a KPMG? Não força vai...


Daí pra baixo, propaganda eleitoral gratuita
Nem com a nota você quer ou consegue entender.

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 20:01

rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 19:57
Desde a época do Banana o Vasco paga (OBRIGATORIAMENTE via justiça) quase 40 milhões só de JUROS das dívidas! Só vcs olharem como que a dívida com a fazenda por exemplo se abate lentamente ano à ano. Paga-se mais juros do que a dívida inicial.

Enquanto as receitas do Vasco não forem altas o suficiente para pagar esses juros e mais a dívida em si, estaremos com uma dívida impagável como ocorre hoje!

O único erro da revista foi dá uma enfase maior ao Vasco como fossemos os únicos fodidos nessa história! Acrescentem ai Botinha e florminenC. Tem o Atlético Mg tb, mas eles possui uma diversidade maior de obter receitas em relação aos 3 clubes do RJ, então respiram melhor!
Não vi esse enfoque no Vasco, vi aliás eles detonando o série C mais até do q o Vasco...
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:01

rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 19:57
Desde a época do Banana o Vasco paga (OBRIGATORIAMENTE via justiça) quase 40 milhões só de JUROS das dívidas! Só vcs olharem como que a dívida com a fazenda por exemplo se abate lentamente ano à ano. Paga-se mais juros do que a dívida inicial.

Enquanto as receitas do Vasco não forem altas o suficiente para pagar esses juros e mais a dívida em si, estaremos com uma dívida impagável como ocorre hoje!

O único erro da revista foi dá uma enfase maior ao Vasco como fossemos os únicos fodidos nessa história! Acrescentem ai Botinha e florminenC. Tem o Atlético Mg tb, mas eles possui uma diversidade maior de obter receitas em relação aos 3 clubes do RJ, então respiram melhor!
Não, o maior erro foi o mais absurdo de todos, dizer que o Vasco gasta por ano 200 milhões excluindo pagamentos de dívidas.

Avatar do usuário
mvb
Promessa
Promessa
Mensagens: 288
Registrado em: 01 Jan 2016, 19:05

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por mvb » 16 Mai 2017, 20:02

O Vasco esta na merda?
Sim o Vasco esta na merda como o Atlético, Fluminense, Botafogo, São Paulo etc...

As diferenças deles para o Vasco são:

Racionalizar custos; Só o Vasco contratou, Diguinho, J. Henrique, J.Santos e só o Vasco renova o contrato para rescindir seis meses depois, com foi o caso do Rodrigo.

Principalmente, os outros têm um nome respeitado no mercado e conseguem NOVOS patrocínios e sócios torcedores.
Valor e quantidade de patrocinadores e número de sócios são mensuráveis, o resto é mimi, ou seja, papo cascata.

Quantos NOVOS patrocínios Douutoo Cascata conseguiu?
Como anda o plano de sócios do Douutoo Cascata?

Vc associaria seu nome ou o nome de sua empresa ao Douutoo Cascata?

Sim o Vasco esta na merda.
Editado pela última vez por mvb em 16 Mai 2017, 20:09, em um total de 1 vez.
Vasco sem Presidente desde 2000.

Albert Einstein: "Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes"

A história do Vasco será contada em antes e depois do EuMICO.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:03

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:59
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 19:38
Marcelo escreveu:
16 Mai 2017, 19:29
Não importa se a revista Época foi tendenciosa ou não. O que é fato e notório é que o Vasco tem sim uma finança horrível, temerosa e isso é inquestionável.

E não adiantar falar que essa opinião é fruto de "não saber o dia a dia do clube" ou que a gestão passada fez isso e aquilo.

Basta ver como os gastos estão sendo feitos AGORA: diversos jogadores contratados e em questão de meses já são questionados. Nenhum jogador está absoluto no time. A maioria podia até sair fora. Se pudéssemos devolver os jogadores como devolvemos os produtos que compramos e que não nos atendem, te garanto que TODOS esses jogadores contratados para esta temporada seriam devolvidos. Até mesmo o Escudero, vulgo presente de natal, ou o fabuloso cone Luis Fabiano (vergonha alheia de quem o recebeu no aeroporto). Isso pra não falar do Cristóvão Borges ou das briguinhas do filhinho do todo poderoso, que coloca seu ego acima do clube... menos pra desfilar de camaro. E que tal falar da venda do Luan por um preço irrisório? E o doutô todo poderoso tá que contrata mais e mais refugo... com que dinheiro, não sei. Talvez o Carlos Leite saiba.

Sem contar os gastos pra remendar o estádio.... ver qualquer video do estádio do Palmeiras dá uma inveja absurda. Maaas, o Vasco faz um puxadinho aqui, outro ali.... vai ficar remendando pra sempre. É como uma casa velha, dá problema aqui, outro ali... e o dinheiro vai embora. Será que não seria o melhor marketing do mundo o Vasco mostrar que não é só o único clube do Rio que tem estádio próprio (não considero o engenhão do botafogo...não vale), mas como o mais moderno? Nego poderia falar o que quisesse, mas o Vasco seria mais uma vez a vanguarda no Rio, no quesito estrutura para jogos e para o seu torcedor.

Mas, o Vasco atual com seus hábitos antigos e ultrapassados reflete exatamente a realidade do clube: vive do passado. É tão nostálgico ver os videos dos anos 90 ou 80.... mas dos últimos 15 anos, todo mundo quer esquecer. A copa do brasil de 2011 é aquele respiro que ainda salva.

Os clubes estão cada vez mais se modernizando, cada vez mais aprimorando um futebol moderno, rápido e eficaz. Podem balançar aqui e ali, afinal, futebol brasileiro é concorrido, mas não vejo esses clubes grandes a 36 rodadas seguidas na zona de rebaixamento.

Do jeito que está, aonde o Vasco vai parar? Na sibéria?
Sim é verdade, agora outro dia eu critiquei o fato do Vasco tem 46 jogadores no elenco, que era inviável para um time pagar salários para tanta gente, que times como Juventus, Barcelona e Real tem em média 26 jogadores, quase me mataram, as pessoas vivem em um mundo só delas, o que fazer para resolver? Ninguém fala nada. Se o Vasco tem problemas financeiros deveria formar um elenco com 23 jogadores mais 6 da base e pronto, economiza, melhor de 23 bons jogadores mais a base para compor do que ter 46, mas o pessoal pensa futebol nos padrões de LFoot.
Aqui eu vou concordar com vc.

Elenco muito inchado além de obscenamente caro ainda dilui muito o potencial técnico da equipe. Até pq um monte fica parado um tempão e depois tem q entrar na fogueira e não resolve.

Pra não dizer 29, vai lá e bota 33 q no ruim vc forma 3 times caso algo dê muito errado (suspensões ou leões demais durante algum tempo)
Pois é 33, 34, 35... Rapidinho chega a 46.
Por algum motivo time no Brasil precisa ter um elenco mais numeroso que o Barcelona.

Avatar do usuário
rafael.pereira
Júnior
Júnior
Mensagens: 3496
Registrado em: 30 Dez 2015, 17:57

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por rafael.pereira » 16 Mai 2017, 20:04

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:01
rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 19:57
Desde a época do Banana o Vasco paga (OBRIGATORIAMENTE via justiça) quase 40 milhões só de JUROS das dívidas! Só vcs olharem como que a dívida com a fazenda por exemplo se abate lentamente ano à ano. Paga-se mais juros do que a dívida inicial.

Enquanto as receitas do Vasco não forem altas o suficiente para pagar esses juros e mais a dívida em si, estaremos com uma dívida impagável como ocorre hoje!

O único erro da revista foi dá uma enfase maior ao Vasco como fossemos os únicos fodidos nessa história! Acrescentem ai Botinha e florminenC. Tem o Atlético Mg tb, mas eles possui uma diversidade maior de obter receitas em relação aos 3 clubes do RJ, então respiram melhor!
Não vi esse enfoque no Vasco, vi aliás eles detonando o série C mais até do q o Vasco...
Na página inicial da Globo.com o foco era o Vasco como sempre!
Imagem

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 20:08

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:00
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:49
Nota do clube:

"Terça-feira, 16/05/2017 - 18:56
Resposta a uma análise política do balanço

A edição digital da revista Época traz uma tentativa de análise do balanço de alguns clubes brasileiros. 1Em relação ao Vasco o resultado é distorcido e errado devido a falta de conhecimento do dia a dia de um clube e mais a clara intenção de misturar política e números com aspecto de isenção.

A PREMISSA ERRADA

2 O balanço de 2016 não é uma peça isolada e sim uma evolução histórica de todo um passado recente. Desde o primeiro momento que esta diretoria assumiu, em dezembro de 2014, deu conhecimento aos vascaínos da gravidade da situação deixada. Ninguém que leu os diversos comunicados dos últimos dois anos e meio deixou de ter a visão de que o Vasco precisa primeiro recuperar capacidade de investimento e isso significa reduzir o endividamento e buscar novas receitas.

A administração anterior deixou o clube com salários atrasados ( naquele momento 3 folhas salariais, mas ao longo do mandato chegou a acumular 5), impostos atrasados, sem certidão negativa e por isso nem receber o patrocínio da Caixa era possível. Isso sem falar no patrimônio deteriorado: Ginásio destruído, Parque Aquático destruído, Pousada do Almirante depredada, lixo e sujeira por todo o estádio. Essa é uma verdade incontestável.

E o que foi feito imediatamente? 3O Vasco pagou mais de 12 milhões de reais em impostos daquele ano para regularizar a situação fiscal. Com isso conseguiu as certidões necessárias a receber o que estava pendente na Caixa . Também iniciou um processo forte de recuperação e viabilização do funcionamento do clube que era assolado por penhoras, 4 muitas delas vindo de confissões de dívidas assinadas entre agosto de 2014 e novembro de 2014, exatamente o período de adiamento das eleições. Ficou claro que houve ali um acerto de contas entre amigos, inclusive com a participação de muitos que agora querem voltar ao clube. Um prejuízo de milhões de reais que também tinha como objetivo paralisar a nova administração.

Portanto, o quadro de dificuldades era conhecido e foi mostrado aos vascaínos. Ainda assim, de 2015 para cá, os impostos foram pagos, mesmo antes do Profut. Mas vale ressaltar que o Vasco hoje, além do Profut, paga os impostos em dia para poder manter as certidões. E também é importante saber que o Vasco paga ou pagou a equipe formada , por exemplo, em 2011/2102 Foram cobranças na Justiça ( e até na Fifa )por atletas como Eder Luis, Felipe Bastos, Fagner, Fernando Prass, Felipe, Tenório e muitos outros. Entre 2015 e 2016 o Vasco pagou dois elencos, o que jogava e o que tinha jogado em anos anteriores.

O ERRO NOS GASTOS DE 2016

A análise foi tão primária que diz que, mesmo disputando a série B, os gastos subiram para 200 milhões de reais. Ou seja, atribui os gastos do clube ao time de futebol. Erro primário. 5Os 200 milhões de reais foram os gastos totais do Vasco, incluindo impostos recolhidos, pagamento de dívidas ( só acordos judiciais chegaram a 3 milhões de reais/mês), despesas gerais e manutenção do patrimônio.

Basta andar em São Januário para ver a recuperação do patrimônio e isso não se faz de graça. Mesmo quando conseguimos recursos de fora, como os convênios com a CBC – Comitê Brasileiro de Clubes – esses só podem existir porque estamos regulares com a questão fiscal. E a recuperação do Ginásio, que contou com apoio da torcida, ou da piscina olímpica, prestes a ser entregue para uso novamente, e que obteve recursos da CBC, só foram possíveis porque o Vasco também colocou dinheiro nos projetos. Assim como a construção do Caprres, centro de excelência em recuperação de atletas, contou com a parceria da Brahma, mas com alto investimento do Vasco, que também construiu com recursos próprios o Caprres da Base.

E na receita o texto publicado pela Época não observa que, ao contrário de outros clubes, o Vasco só lançou as luvas que recebeu efetivamente da televisão. Nada foi colocado de recebimentos futuros. O texto tira a conclusão de que o clube não poderia conseguir outras receitas, 6esquecendo que outras agremiações colocaram ano passado em seus balanços valores altos de venda de direitos econômicos de jogadores, o que não foi o caso do Vasco, que tem campo aberto nessa questão.

E ainda há outro erro de interpretação: 7ao contrário do que diz o texto os 205 milhões de reais em dívidas de curto prazo não precisam obrigatoriamente ser pagos em 2017. São compromissos em negociação, o que obviamente permitirá alongar esse montante.

A mistura de técnica com política fica clara quando o colunista fala de dívidas deixadas por Eurico e Roberto, mas reconhece que é verdade a diminuição do endividamento de dezembro de 2014 para cá. 8 Vale lembrar que Eurico Miranda ao sair do Vasco em 30 de Junho de 2008, deixou o clube inscrito regularmente na Timemania e com as Certidões Negativas. A dívida de 190 milhões de reais em junho foi jogada para mais de 300 milhões de reais em seis meses por uma canetada contábil da administração que começava.

Mas os números de dezembro de 2008 foram simplesmente dobrados em 6 anos, chegando a quase 700 milhões de reais, num período de forte crescimento econômico do Brasil e de alto investimento no esporte por causa da Copa do Mundo. O Vasco perdeu naquela fase todas as chances de se equilibrar e ainda se afundou em dívidas.

De dezembro de 2014 para cá a opção foi pela responsabilidade fiscal, aliás a única possível para que num futuro próximo o clube recupere capacidade de investimento. Isso foi sempre dito aos vascaínos, inclusive com o desgaste de não podermos investir no futebol o que gostaríamos. Agora, o texto da Época está atrasado 3 anos e tem claro viés político ao insinuar que é tudo igual. Não é verdade. Basta ver o patrimônio recuperado, o investimento esportivo, social e educativo na base, a diminuição das dívidas. O caminho ainda é muito difícil, o clube não suporta aventuras e a austeridade ainda permanecerá, mas está longe do terrorismo que a Época tenta passar. "


Tá:
1- Deixa adivinhar... Quem não sabe o nome do porteiro, do pessoal da limpeza e da tia da cantina não pode falar nada? Erraram só o do Vasco?

2- Isso todos sabem, só que essa conversa fica meio mole depois que o Almir Somoggi (um dos mais requisitados profissionais da área) analisa o histórico financeiro que vc cedeu ao Mauro César Pereira da ESPN Brasil e a auditoria que analisa o balanço feito pela sua equipe chegam na conclusão que os números não podem ser atestados de modo confiável pois faltam comprovações dos mesmos...

3- Esse dinheiro surgiu do nada? Pq, ao q me consta, o clube abriu mão de uma decisão judicial que o respaldava de não pagar 8 milhões de reais ao José Luiz Moreira. E segundo vc, as cotas de patrocínio e transmissão de tv já haviam sido antecipadas, salvo engano meu, por mais 2 anos pra frente...

4- O presidente anterior disse a mesma coisa pelo período de junho de 2007-maio de 2008, curioso...

5- Então não é viagem da Época? Hm...

6- Se for como vendemos o Mateus Índio (q reza a lenda q tinha uma multa de R$ 22 milhões mas foi vendido por apenas R$1 milhão) vamos ter que vender 50 jogadores por ano apenas para equilibrar os gastos operacionais do clube, se for contar mais as dívidas equacionadas, aí a quantidade vai ficar maior de um ano para o outro...

7- Isso sim é uma boa notícia, torço pra que seja verdade. PS: Vcs lembraram de avisar isso ao pessoal da imprensa antes de tornarem o documento público?

8- Ah velho, qual é!? Vai insistir nesse papo de novo? Pomba, quer dizer que vc faz auditoria melhor q a KPMG? Não força vai...


Daí pra baixo, propaganda eleitoral gratuita
Nem com a nota você quer ou consegue entender.
Quer q eu entenda o q, exatamente?
Sério, comprar a conversa do cidadão tá meio complicado pra mim.

Se vc quiser ou achar q consegue explicar, vou agradecer
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:11

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:54
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 19:32
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 18:40



"(...)Dito isso, comecemos pelo dinheiro que entra no caixa. O Vasco faturou R$ 213 milhões em 2016, o maior valor de sua história, mas com um enorme asterisco. A maior parte do aumento se deve aos R$ 60 milhões em luvas que recebeu da TV Globo por vender, antecipadamente, os direitos de transmissão para as temporadas de 2019 a 2024. O faturamento recorrente, sem as luvas, está na casa dos R$ 150 milhões. Outras fontes de receitas mostram performances preocupantes. O Vasco teve em 2016 as piores rendas de sua história recente – desde 2010, quando passou a detalhá-las – em bilheterias, patrocínios e transferências de atletas. O que segura as pontas é a TV.

Depois vem o dinheiro que sai do caixa. Apesar de jogar a Série B, campeonato no qual a competitividade é menor, os gastos aumentaram para quase R$ 200 milhões. Repare o descompasso entre quanto o Vasco arrecada e quanto o Vasco gasta. Faltaram R$ 50 milhões para que o clube conseguisse apenas fechar a conta – sem que pagasse um centavo sequer das dívidas que acumulou ao longo dos últimos anos, assunto para o parágrafo seguinte. Eurico só terminou o ano no azul porque recebeu as luvas pelo contrato de 2019 a 2024. Uma receita que não se repetirá nem em 2017, nem tão logo.

Se o problema fosse pontualmente o descompasso entre receitas e despesas, estaria tudo certo. O Vasco tem condições de, na primeira divisão, elevar suas receitas com bilheterias e patrocínios para tentar fechar a conta. Mas não é o caso. O resultado das trágicas gestões de Roberto Dinamite e do próprio Eurico é um endividamento maior do que o Vasco. O clube possui R$ 205 milhões em dívidas de curto prazo, que precisam ser pagas no decorrer de 2017, equivalentes a 40% de todo o seu endividamento. Você não precisa de calculadora para chegar à conclusão. Se o Vasco fatura coisa de R$ 150 milhões, mas gasta R$ 200 milhões com despesas e tem R$ 205 milhões a pagar em dívidas, faltam R$ 255 milhões apenas para que o clube termine 2017 no zero a zero. A auditoria é clara sobre a situação no relatório que acompanha o balanço: “Eventos ou condições futuras podem levar o Vasco a não mais se manter em continuidade operacional”. Em português claro: o Vasco pode quebrar de vez.

Eurico alega que a situação hoje é melhor do que quando reassumiu o time, no fim de 2014. É verdade. O endividamento foi reduzido de R$ 653 milhões naquele ano para R$ 517 milhões em 2016. Mas a razão precisa ser colocada em contexto. A direção vascaína abateu R$ 113 milhões de sua dívida com o governo, via renegociação do Profut, graças a descontos em juros, multas e encargos. Não há dúvida de que a diminuição e o alongamento da dívida fiscal foram uma vitória. Isso destravou os pagamentos do patrocínio estatal da Caixa, que exige lisura nas obrigações com o governo para pôr o dinheiro na conta do clube. Só não dá para se apegar à redução de uma dívida de longo prazo para colar a versão de que as coisas melhoraram.(...)"

-
Posto isso, os gastos com o clube em si são de 200 milhões (o cara deixou subentendido q fosse apenas no futebol, com essa grana só nesse esporte se monta fácil um time q não só ganhe a série B com um pé nas costas como ainda se briga por títulos na série A) e, de 2017 até 2024, se conseguir manter o padrão de 2016 o clube vai faturar 150 milhões por ano somado todas as suas receitas.

Isso significa q, só de receitas - despesas por ano nós deveremos fechar com prejuízo de 50 milhões por ano até 2024 (variações podem ocorrer à medida q as receitas aumentem ou diminuam a cada ano e o mesmo vale para as despesas).

Agora, à parte disso, tem as dívidas q caíram de um total de 653 para 517 milhões de reais graças ao PROFUT, sendo desse montante 205 para serem pagas até o final deste ano, nem imagino o q o clube poderia pagar de multas e juros caso atrasem estes compromissos...

Isso não é história da Época, tá no balanço do clube (a não ser q a gnt passe a acreditar q os caras fraudaram documento oficial/inventaram números do nada).


Se for propaganda, e isto está no balanço do clube, de repente é do Eurico q gosta de chorar sabotagem da Globo, q encontrou terra arrasada (e achou mesmo, mas tbm teve a parte dele nisso), q sofre um complô da oposição e etc...

Agora, o q ele ganharia expondo uma mentira desse nível quando ele precisa, justamente, do efeito contrário pra seguir sem perturbação no comando da capitania (semi-)hereditária?
Você copiou e repetiu tudo o que ele falou, nada mais, é absurdo achar que as receitas do Vasco vão ficar congeladas em 150 milhões.
É impressionante como alguém falar mal do Vasco ou do Eurico assanha um monte de gente aqui no fórum, não precisa fazer o menor sentido.
Nem o cara que escreveu a matéria e muito menos eu, que ainda fiz um parêntese à respeito, dissemos q a receita vai congelar ou q o custo vai se manter estável.

A crítica do cara tá clara, pra 2017 deu ruim. E se mantiver níveis parecidos daqui pra frente fudeu.

Apenas isso...
Não, ele falou que o Vasco faliu e que só não fecha as portas porque é um clube.

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 20:11

rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 20:04
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:01
rafael.pereira escreveu:
16 Mai 2017, 19:57
Desde a época do Banana o Vasco paga (OBRIGATORIAMENTE via justiça) quase 40 milhões só de JUROS das dívidas! Só vcs olharem como que a dívida com a fazenda por exemplo se abate lentamente ano à ano. Paga-se mais juros do que a dívida inicial.

Enquanto as receitas do Vasco não forem altas o suficiente para pagar esses juros e mais a dívida em si, estaremos com uma dívida impagável como ocorre hoje!

O único erro da revista foi dá uma enfase maior ao Vasco como fossemos os únicos fodidos nessa história! Acrescentem ai Botinha e florminenC. Tem o Atlético Mg tb, mas eles possui uma diversidade maior de obter receitas em relação aos 3 clubes do RJ, então respiram melhor!
Não vi esse enfoque no Vasco, vi aliás eles detonando o série C mais até do q o Vasco...
Na página inicial da Globo.com o foco era o Vasco como sempre!
Então vc vai me desculpar pq não tomei conhecimento dessa série de reportagens via o site deles.

Por acaso alguém me mandou isso num grupo de Whatsapp e daí eu fui lendo alguns outros.
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Lopes.ricardo
Promessa
Promessa
Mensagens: 192
Registrado em: 14 Jan 2016, 13:16

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Lopes.ricardo » 16 Mai 2017, 20:12

Alguém sabe se a camisa que o Martín jogou é a novo de goleiros? Não achei ela para vender. Só tem uma azul bem mais escuro.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:13

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:08
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:00
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:49
Nota do clube:

"Terça-feira, 16/05/2017 - 18:56
Resposta a uma análise política do balanço

A edição digital da revista Época traz uma tentativa de análise do balanço de alguns clubes brasileiros. 1Em relação ao Vasco o resultado é distorcido e errado devido a falta de conhecimento do dia a dia de um clube e mais a clara intenção de misturar política e números com aspecto de isenção.

A PREMISSA ERRADA

2 O balanço de 2016 não é uma peça isolada e sim uma evolução histórica de todo um passado recente. Desde o primeiro momento que esta diretoria assumiu, em dezembro de 2014, deu conhecimento aos vascaínos da gravidade da situação deixada. Ninguém que leu os diversos comunicados dos últimos dois anos e meio deixou de ter a visão de que o Vasco precisa primeiro recuperar capacidade de investimento e isso significa reduzir o endividamento e buscar novas receitas.

A administração anterior deixou o clube com salários atrasados ( naquele momento 3 folhas salariais, mas ao longo do mandato chegou a acumular 5), impostos atrasados, sem certidão negativa e por isso nem receber o patrocínio da Caixa era possível. Isso sem falar no patrimônio deteriorado: Ginásio destruído, Parque Aquático destruído, Pousada do Almirante depredada, lixo e sujeira por todo o estádio. Essa é uma verdade incontestável.

E o que foi feito imediatamente? 3O Vasco pagou mais de 12 milhões de reais em impostos daquele ano para regularizar a situação fiscal. Com isso conseguiu as certidões necessárias a receber o que estava pendente na Caixa . Também iniciou um processo forte de recuperação e viabilização do funcionamento do clube que era assolado por penhoras, 4 muitas delas vindo de confissões de dívidas assinadas entre agosto de 2014 e novembro de 2014, exatamente o período de adiamento das eleições. Ficou claro que houve ali um acerto de contas entre amigos, inclusive com a participação de muitos que agora querem voltar ao clube. Um prejuízo de milhões de reais que também tinha como objetivo paralisar a nova administração.

Portanto, o quadro de dificuldades era conhecido e foi mostrado aos vascaínos. Ainda assim, de 2015 para cá, os impostos foram pagos, mesmo antes do Profut. Mas vale ressaltar que o Vasco hoje, além do Profut, paga os impostos em dia para poder manter as certidões. E também é importante saber que o Vasco paga ou pagou a equipe formada , por exemplo, em 2011/2102 Foram cobranças na Justiça ( e até na Fifa )por atletas como Eder Luis, Felipe Bastos, Fagner, Fernando Prass, Felipe, Tenório e muitos outros. Entre 2015 e 2016 o Vasco pagou dois elencos, o que jogava e o que tinha jogado em anos anteriores.

O ERRO NOS GASTOS DE 2016

A análise foi tão primária que diz que, mesmo disputando a série B, os gastos subiram para 200 milhões de reais. Ou seja, atribui os gastos do clube ao time de futebol. Erro primário. 5Os 200 milhões de reais foram os gastos totais do Vasco, incluindo impostos recolhidos, pagamento de dívidas ( só acordos judiciais chegaram a 3 milhões de reais/mês), despesas gerais e manutenção do patrimônio.

Basta andar em São Januário para ver a recuperação do patrimônio e isso não se faz de graça. Mesmo quando conseguimos recursos de fora, como os convênios com a CBC – Comitê Brasileiro de Clubes – esses só podem existir porque estamos regulares com a questão fiscal. E a recuperação do Ginásio, que contou com apoio da torcida, ou da piscina olímpica, prestes a ser entregue para uso novamente, e que obteve recursos da CBC, só foram possíveis porque o Vasco também colocou dinheiro nos projetos. Assim como a construção do Caprres, centro de excelência em recuperação de atletas, contou com a parceria da Brahma, mas com alto investimento do Vasco, que também construiu com recursos próprios o Caprres da Base.

E na receita o texto publicado pela Época não observa que, ao contrário de outros clubes, o Vasco só lançou as luvas que recebeu efetivamente da televisão. Nada foi colocado de recebimentos futuros. O texto tira a conclusão de que o clube não poderia conseguir outras receitas, 6esquecendo que outras agremiações colocaram ano passado em seus balanços valores altos de venda de direitos econômicos de jogadores, o que não foi o caso do Vasco, que tem campo aberto nessa questão.

E ainda há outro erro de interpretação: 7ao contrário do que diz o texto os 205 milhões de reais em dívidas de curto prazo não precisam obrigatoriamente ser pagos em 2017. São compromissos em negociação, o que obviamente permitirá alongar esse montante.

A mistura de técnica com política fica clara quando o colunista fala de dívidas deixadas por Eurico e Roberto, mas reconhece que é verdade a diminuição do endividamento de dezembro de 2014 para cá. 8 Vale lembrar que Eurico Miranda ao sair do Vasco em 30 de Junho de 2008, deixou o clube inscrito regularmente na Timemania e com as Certidões Negativas. A dívida de 190 milhões de reais em junho foi jogada para mais de 300 milhões de reais em seis meses por uma canetada contábil da administração que começava.

Mas os números de dezembro de 2008 foram simplesmente dobrados em 6 anos, chegando a quase 700 milhões de reais, num período de forte crescimento econômico do Brasil e de alto investimento no esporte por causa da Copa do Mundo. O Vasco perdeu naquela fase todas as chances de se equilibrar e ainda se afundou em dívidas.

De dezembro de 2014 para cá a opção foi pela responsabilidade fiscal, aliás a única possível para que num futuro próximo o clube recupere capacidade de investimento. Isso foi sempre dito aos vascaínos, inclusive com o desgaste de não podermos investir no futebol o que gostaríamos. Agora, o texto da Época está atrasado 3 anos e tem claro viés político ao insinuar que é tudo igual. Não é verdade. Basta ver o patrimônio recuperado, o investimento esportivo, social e educativo na base, a diminuição das dívidas. O caminho ainda é muito difícil, o clube não suporta aventuras e a austeridade ainda permanecerá, mas está longe do terrorismo que a Época tenta passar. "


Tá:
1- Deixa adivinhar... Quem não sabe o nome do porteiro, do pessoal da limpeza e da tia da cantina não pode falar nada? Erraram só o do Vasco?

2- Isso todos sabem, só que essa conversa fica meio mole depois que o Almir Somoggi (um dos mais requisitados profissionais da área) analisa o histórico financeiro que vc cedeu ao Mauro César Pereira da ESPN Brasil e a auditoria que analisa o balanço feito pela sua equipe chegam na conclusão que os números não podem ser atestados de modo confiável pois faltam comprovações dos mesmos...

3- Esse dinheiro surgiu do nada? Pq, ao q me consta, o clube abriu mão de uma decisão judicial que o respaldava de não pagar 8 milhões de reais ao José Luiz Moreira. E segundo vc, as cotas de patrocínio e transmissão de tv já haviam sido antecipadas, salvo engano meu, por mais 2 anos pra frente...

4- O presidente anterior disse a mesma coisa pelo período de junho de 2007-maio de 2008, curioso...

5- Então não é viagem da Época? Hm...

6- Se for como vendemos o Mateus Índio (q reza a lenda q tinha uma multa de R$ 22 milhões mas foi vendido por apenas R$1 milhão) vamos ter que vender 50 jogadores por ano apenas para equilibrar os gastos operacionais do clube, se for contar mais as dívidas equacionadas, aí a quantidade vai ficar maior de um ano para o outro...

7- Isso sim é uma boa notícia, torço pra que seja verdade. PS: Vcs lembraram de avisar isso ao pessoal da imprensa antes de tornarem o documento público?

8- Ah velho, qual é!? Vai insistir nesse papo de novo? Pomba, quer dizer que vc faz auditoria melhor q a KPMG? Não força vai...


Daí pra baixo, propaganda eleitoral gratuita
Nem com a nota você quer ou consegue entender.
Quer q eu entenda o q, exatamente?
Sério, comprar a conversa do cidadão tá meio complicado pra mim.

Se vc quiser ou achar q consegue explicar, vou agradecer
Que o vasco não tem 255 milhões em dívidas para pagar só em 2017, que o Vasco não gasta 200 milhões por ano excluindo dívidas.

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 20:15

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:03
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 19:59
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 19:38


Sim é verdade, agora outro dia eu critiquei o fato do Vasco tem 46 jogadores no elenco, que era inviável para um time pagar salários para tanta gente, que times como Juventus, Barcelona e Real tem em média 26 jogadores, quase me mataram, as pessoas vivem em um mundo só delas, o que fazer para resolver? Ninguém fala nada. Se o Vasco tem problemas financeiros deveria formar um elenco com 23 jogadores mais 6 da base e pronto, economiza, melhor de 23 bons jogadores mais a base para compor do que ter 46, mas o pessoal pensa futebol nos padrões de LFoot.
Aqui eu vou concordar com vc.

Elenco muito inchado além de obscenamente caro ainda dilui muito o potencial técnico da equipe. Até pq um monte fica parado um tempão e depois tem q entrar na fogueira e não resolve.

Pra não dizer 29, vai lá e bota 33 q no ruim vc forma 3 times caso algo dê muito errado (suspensões ou leões demais durante algum tempo)
Pois é 33, 34, 35... Rapidinho chega a 46.
Por algum motivo time no Brasil precisa ter um elenco mais numeroso que o Barcelona.
Aí, opinião minha, 33 é o número máximo.

Aumentar mais do q isso já deixa gente ociosa demais na minha visão.
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 20:23

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:13
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:08
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:00


Nem com a nota você quer ou consegue entender.
Quer q eu entenda o q, exatamente?
Sério, comprar a conversa do cidadão tá meio complicado pra mim.

Se vc quiser ou achar q consegue explicar, vou agradecer
Que o vasco não tem 255 milhões em dívidas para pagar só em 2017, que o Vasco não gasta 200 milhões por ano excluindo dívidas.
Cara, desculpa, a nota não disse isso.

A nota diz sim q os 255 q teriam q ser pagos já este ano estão em renegociação (talvez de prazo, talvez de valores, talvez as duas coisas... aí já não diz) então possivelmente não deverão por obrigatoriedade serem quitadas este ano. Até aqui, ok, sem problemas. Alívio se conseguir!

Então tá ok, o clube teve um custo total para o ano
de 2016 de 200 milhões (incluindo aí manutenção/construção de sedes e manutenção/aquisição de equipamentos, folha de pagamento, fornecedores, dívidas fiscais, trabalhistas e afins).

Sem problemas pra mim...
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 16 Mai 2017, 20:29

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:23
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:13
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:08


Quer q eu entenda o q, exatamente?
Sério, comprar a conversa do cidadão tá meio complicado pra mim.

Se vc quiser ou achar q consegue explicar, vou agradecer
Que o vasco não tem 255 milhões em dívidas para pagar só em 2017, que o Vasco não gasta 200 milhões por ano excluindo dívidas.
Cara, desculpa, a nota não disse isso.

A nota diz sim q os 255 q teriam q ser pagos já este ano estão em renegociação (talvez de prazo, talvez de valores, talvez as duas coisas... aí já não diz) então possivelmente não deverão por obrigatoriedade serem quitadas este ano. Até aqui, ok, sem problemas. Alívio se conseguir!

Então tá ok, o clube teve um custo total para o ano
de 2016 de 200 milhões (incluindo aí manutenção/construção de sedes e manutenção/aquisição de equipamentos, folha de pagamento, fornecedores, dívidas fiscais, trabalhistas e afins).

Sem problemas pra mim...
A nota nem o balanço nem a matéria dizem para onde são esses 255 milhões eu acho que colocaram todo o acordo do TRT ai no meio.
255 milhões é praticamente metade do que o Vasco deve, se para o Governo Federal são 190 o resto deve ser dívida ja composta, é claro que colocaram todo o acordo do TRT como dívida que o Vasco tem que pagar esse ano.

Avatar do usuário
Wagnersac
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 4664
Registrado em: 29 Dez 2015, 22:36
Localização: Barra da Tijuca - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Wagnersac » 16 Mai 2017, 21:30

O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Imagem

Avatar do usuário
vinipinheiro88
Promessa
Promessa
Mensagens: 92
Registrado em: 16 Mar 2017, 22:14
Localização: Rio de Janeiro-RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vinipinheiro88 » 16 Mai 2017, 22:11

Wagnersac escreveu:
16 Mai 2017, 21:30
O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Achava q o Vasco só havia chegado a 150 d receita anual no ano passado
Depois da tempestade, vem a bonança.

Mas só depois de conseguir garantir a sobrevivência e de trabalho muito árduo para se conseguir dias melhores.

É assim com a nossa cidade, com o nosso estado, com o nosso país e com o nosso Vasco.

Avatar do usuário
Wagnersac
Benemérito
Benemérito
Mensagens: 4664
Registrado em: 29 Dez 2015, 22:36
Localização: Barra da Tijuca - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Wagnersac » 16 Mai 2017, 22:20

vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 22:11
Wagnersac escreveu:
16 Mai 2017, 21:30
O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Achava q o Vasco só havia chegado a 150 d receita anual no ano passado
Desde 2011, tem variado muito pouco, perto da casa dos 150 mi, excetuando-se eventos extraordinários como o das luvas:

https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Lista_d ... brasileiro
Imagem

Avatar do usuário
educanastra
Juvenil
Juvenil
Mensagens: 850
Registrado em: 02 Jan 2016, 12:51
Localização: Imperatriz - MA

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por educanastra » 16 Mai 2017, 22:21

Quando esse cara sair, não vai restar nada.
A não ser que um grupo muito forte assuma o comando, o VASCO vai virar um zumbi, vagando pelas divisões inferiores.

Avatar do usuário
Diego
Júnior
Júnior
Mensagens: 2511
Registrado em: 31 Dez 2015, 02:35
Localização: Búzios - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Diego » 17 Mai 2017, 00:55

Wagnersac escreveu:
16 Mai 2017, 21:30
O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Em questão de faturamento o Vasco tem que brigar hoje com o SP, o que o SP consegue o Vasco tem que conseguir, como o Vasco ta em situação pior tem que ter uma forte contenção de despesas, elenco enxuto, comissão técnica barata, apostar na base, eliminar esportes amadores com exceção do remo.

Avatar do usuário
Severino Silva
Promessa
Promessa
Mensagens: 460
Registrado em: 13 Mai 2016, 20:44
Localização: Vitoria Es

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Severino Silva » 17 Mai 2017, 03:48

Esse velho caduco Vai acabar fechando as portas do Clube Ai não torço pra nada mais :cray:

Avatar do usuário
Victor_92
Júnior
Júnior
Mensagens: 2563
Registrado em: 30 Dez 2015, 19:51
Localização: Rio de Janeiro - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Victor_92 » 17 Mai 2017, 08:08

A dívida atual se encontra no patamar de 517 milhões. Dois anos após assumir o clube naquela situação, portanto, a dívida diminuiu 143 milhões.

O autor alega que 113 milhões foram abatidos em função da adesão do clube ao PROFUT. A pergunta é: e daí? Esta ressalva só vale para o Vasco? Quem foi que regularizou e organizou o clube para poder aderir ao programa? Quem participou de reuniões? Quem apresentou ideias? Quem assinou? Portanto, também os 113 milhões são fruto das ações desta administração. Além dos demais 40 milhões de redução, ao longo de, repetindo, apenas 2 anos.

como e daí cara pálida ??? então tá bom caso o eurico vença as eleições nos próximos dois anos que ele diminua a dívida do vasco em pelo menos 110 milhões já que é tão banal e fácil, óbvio sem a ajuda do Profut, piada.
1 Campeonato Sul-Americano: 1948
1 Copa Libertadores: 1998
1 Copa Mercosul: 2000
4 Campeonatos Brasileiros: 1974, 89, 97 e 2000
1 Copa do Brasil: 2011
3 Torneios Rio-São Paulo: 1958, 66 e 99
24 Campeonatos Estaduais

Avatar do usuário
THALES HENRIQUE
Promessa
Promessa
Mensagens: 137
Registrado em: 28 Jan 2016, 12:16

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por THALES HENRIQUE » 17 Mai 2017, 08:32

Eu tinha certeza que o casaca iria soltar uma nota criticando a análise de balanço do Vasco: http://www.netvasco.com.br/n/193550/em- ... s-do-vasco

A única coisa que eu queria era que eles defendessem o Vasco com o mesmo afinco que defendem o Eurico... Poderiam trabalhar para o Vasco com a mesma lealdade que trabalham para o Eurico. O Vasco seria muito mais forte. :emb:
Ao Vasco Tudo
:fjv:

Avatar do usuário
THALES HENRIQUE
Promessa
Promessa
Mensagens: 137
Registrado em: 28 Jan 2016, 12:16

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por THALES HENRIQUE » 17 Mai 2017, 09:05

Diego escreveu:
17 Mai 2017, 00:55
Wagnersac escreveu:
16 Mai 2017, 21:30
O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Em questão de faturamento o Vasco tem que brigar hoje com o SP, o que o SP consegue o Vasco tem que conseguir, como o Vasco ta em situação pior tem que ter uma forte contenção de despesas, elenco enxuto, comissão técnica barata, apostar na base, eliminar esportes amadores com exceção do remo.
A pergunta é: como competir com o SP??? Cara eles tem um estadio com capacidade para 67 mil pessoas, e é completamente dele, não tem empresa nenhuma na administração, só daí ele tem a possibilidade de aumentar faturamento em ingressos. A torcida deles lota o estadio, ou pelo menos coloca 30 mil pessoas fácil, a torcida do Vasco coloca 5 mil em SJ e 20 no maraca (que é muito mais caro do que o Morumbi)... Os caras têm um CT para base e para o profissional, reconhecido no mundo todo..

Infelizmente não vejo como podemos competir com o SP. Podemos ganhar campeonatos dele, ganhar jogos e tal, mas competir administrativamente, infelizmente, é impossível no momento.
Ao Vasco Tudo
:fjv:

Avatar do usuário
Victor_92
Júnior
Júnior
Mensagens: 2563
Registrado em: 30 Dez 2015, 19:51
Localização: Rio de Janeiro - RJ

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Victor_92 » 17 Mai 2017, 09:12

THALES HENRIQUE escreveu:
17 Mai 2017, 09:05
Diego escreveu:
17 Mai 2017, 00:55
Wagnersac escreveu:
16 Mai 2017, 21:30
O cara da revista realmente falou besteira em relação ao déficit.

Seria em torno de R$ 250 mi se fossemos pagar o principal de todas as dívidas de curto prazo nesse ano.

Como só vamos rolá-las, ou seja, pagar os juros e pequena parte do principal, deve ficar perto de R$ 50 mi, que é um déficit astronômico.

Isso pq nossas receitas, excluindo a TV, que não deve aumentar significativamente esse ano, estão estagnadas a anos na casa dos R$ 150 mi.

Receitas estagnadas (todos sabem a incapacidade de Eurico Miranda de atrair novas receitas) + despesas com tendência de alta (como as parcelas do PROFUT) formam uma combinação catastrófica.

A relação dívida/faturamento é catastrófica: hoje, seriam necessários uns 3 anos de receita pra pagar toda a dívida.

Fora isso, estamos sim tecnicamente falidos: se o Vasco se desfizer de TODO seu patrimônio, ainda faltará dinheiro pra liquidar as suas dívidas.

O buraco é muito fundo, e a única forma de reverter é através de um aumento brutal de receitas.

Pq reduzir ainda mais as despesas significa acabar de vez com o futebol e matar a galinha dos ovos que um dia já foram de ouro, mas que ainda sustentam todo o resto.
Em questão de faturamento o Vasco tem que brigar hoje com o SP, o que o SP consegue o Vasco tem que conseguir, como o Vasco ta em situação pior tem que ter uma forte contenção de despesas, elenco enxuto, comissão técnica barata, apostar na base, eliminar esportes amadores com exceção do remo.
A pergunta é: como competir com o SP??? Cara eles tem um estadio com capacidade para 67 mil pessoas, e é completamente dele, não tem empresa nenhuma na administração, só daí ele tem a possibilidade de aumentar faturamento em ingressos. A torcida deles lota o estadio, ou pelo menos coloca 30 mil pessoas fácil, a torcida do Vasco coloca 5 mil em SJ e 20 no maraca (que é muito mais caro do que o Morumbi)... Os caras têm um CT para base e para o profissional, reconhecido no mundo todo..

Infelizmente não vejo como podemos competir com o SP. Podemos ganhar campeonatos dele, ganhar jogos e tal, mas competir administrativamente, infelizmente, é impossível no momento.
Em tese o Vasco deveria estar no mesmo patamar de São Paulo e Palmeiras (sem crefisa) por valor de marca e número de torcedores mais na prática o Vasco em todos os indicadores (sócio torcedores, patrocínios, receitas, exposição em mídias sociais e tv e etc) aparece muito atrás destes dois. Hoje em 2017 é loucura querer que o Vasco se equipare a esses dois clubes em todos os sentidos, os clubes que o Vasco se equipara na situação atual é Botafogo e Fluminense, há 20 anos isso seria impensável porém devido há essa 1 década e meia de fracassos e apequenamento virou nossa realidade.
1 Campeonato Sul-Americano: 1948
1 Copa Libertadores: 1998
1 Copa Mercosul: 2000
4 Campeonatos Brasileiros: 1974, 89, 97 e 2000
1 Copa do Brasil: 2011
3 Torneios Rio-São Paulo: 1958, 66 e 99
24 Campeonatos Estaduais

Avatar do usuário
Lorenzo
Grande Benemérito
Grande Benemérito
Mensagens: 7460
Registrado em: 23 Dez 2015, 22:36
Localização: Rio de Janeiro

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por Lorenzo » 17 Mai 2017, 09:41

THALES HENRIQUE escreveu:
17 Mai 2017, 08:32
Eu tinha certeza que o casaca iria soltar uma nota criticando a análise de balanço do Vasco: http://www.netvasco.com.br/n/193550/em- ... s-do-vasco

A única coisa que eu queria era que eles defendessem o Vasco com o mesmo afinco que defendem o Eurico... Poderiam trabalhar para o Vasco com a mesma lealdade que trabalham para o Eurico. O Vasco seria muito mais forte. :emb:
Mas pq eles defenderiam o Vasco? Eles não são vascaínos... é a mesma coisa vc querer que mulambo defenda o Vasco.
ImagemImagem
ImagemImagem
O ontem e o hoje.

vigo
Júnior
Júnior
Mensagens: 2646
Registrado em: 04 Jan 2016, 08:58

Re: EURICO MIRANDA (ATUAL PRESIDENTE) XIII

Mensagem por vigo » 17 Mai 2017, 09:48

Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:13
vinipinheiro88 escreveu:
16 Mai 2017, 20:08
Diego escreveu:
16 Mai 2017, 20:00


Nem com a nota você quer ou consegue entender.
Quer q eu entenda o q, exatamente?
Sério, comprar a conversa do cidadão tá meio complicado pra mim.

Se vc quiser ou achar q consegue explicar, vou agradecer
Que o vasco não tem 255 milhões em dívidas para pagar só em 2017, que o Vasco não gasta 200 milhões por ano excluindo dívidas.
Desculpa, mas o Vasco tem sim, uma montanha de dívidas de curto prazo, inclusive agora em 2017!
O que acontece é que, talvez, parte desta dívida seja empurrada com "negociação", algo do tipo: parcela porque não vou pagar já que não tenho dinheiro!

Ou seja, se houver boa vontade dos credores, o Vasco tentará alongar boa parte desta fortuna, diminuindo o impacto anual e estendendo o sofrimento. Todavia, credores que já deram muito prazo ao Vasco e sabem da incompetência-sem vergonhice de seus dirigentes não são obrigados a aceitar nada e podem executar judicialmente, inclusive a grana da Grobo.

Desculpa, mas dada a opacidade dos dados financeiros das gestões do déspota corrupto e incompetente, se os balanços não são críveis, imagina os reparos feitos com verborragia através de notinhas da turma do Casaca. :affs:


Voltar para “Dirigentes, Eleições & Personalidades”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante